• Igor Castro

Trade deadline: 10 trocas instigantes no mundo da NFL


O período de trocas na NFL, a famosa trade deadline, está perto do seu término, previsto para o próximo dia 03 de novembro. Nas últimas semanas, muitos rumores se aventaram no mundo da NFL, tendo até algumas trocas concretizadas, porém de menor relevância. Contudo, nesse texto focarei em possíveis trocas que fariam mais sentido e que teriam impacto nos times. Ao todo, tentei reunir 10 trocas instigantes para as franquias da NFL, sendo cinco de jogadores de ataque e cinco de defesa. Vamos destacar primeiro as trocas no setor ofensivo e depois o defensivo.


Trocas de jogadores de ataque


1º Sam Darnold – San Francisco 49ers


Uma coisa é fato, o New York Jets está implodindo tudo que tem em seu roster e tá em busca de um novo quarterback, o nome dele: Trevor Lawrence. Com a possível escolha do QB de Clemson pelos Jets no próximo Draft, Sam Darnold perderia espaço de titular na franquia e seria uma boa peça pra troca. Coloquei o 49ers como destino, pois é uma equipe que é muito completa, seja no ataque ou na defesa, mas que tem um entrave e se chama Jimmy Garoppolo.

Foto: Charles Wenzelberg/New York Post

2° AJ Green – Las Vegas Raiders


A adição do AJ Green ao ataque do Raiders seria bastante interessante. O corpo de recebedores não é dos melhores, tendo como principal recebedor o tight end Darren Waller. Os demais recebedores não são tão confiáveis, Nelson Agholor vem tendo um desempenho ok, mas não fará a diferença em momentos cruciais da partida, Hunter Renfrow é o que mais se consolidou na posição, atuando muito no slot e Henry Ruggs é calouro e ainda não teve uma partida de muita expressão na NFL. A a vinda de Green não só ajudaria Derek Carr, bem como seria referência no corpo de recebedores e ajudaria no desenvolvimento de Henry Ruggs.

Foto: John Grieshop

3° Zach Ertz – Arizona Cardinals


Nessa semana que se passou o Philadelphia Eagles confirmou que ai ouvir ofertas pelo tight end Zach Ertz. Ertz não vive um bom momento no Eagles, tanto que outros tight ends tomaram seu espaço no Eagles. E entre os times que estão precisando de um bom tight end para reforçar o ataque, certamente um deles é o Arizona Cardinals. Em anos, a franquia não tem alguém de talento na posição e Ertz poderia ser o primeiro a ocupar essa lacuna. Sendo assim, Ertz seria uma bela arma para Kyler Murray, principalmente na redzone.


Foto: USA Today Sports

4º Golden Tate – New England Patriots


Se te uma coisa que o Patriots necessita em muito é de wide receiver. O ataque liderado por Cam Newton está desprovido de grandes talentos na posição e assim o quarterback está com dificuldades em encontrar alvos para conectar seus passes. Do corpo de recebedores do Patriots, apenas N’Keal Harry e Julian Eldeman são os mais confiáveis, e a vida de Golden Tate daria uma sobrevida ao fraco ataque aéreo de New England, que já no último ano de Tom Brady já não era dos melhores da liga.

Foto: Al Bello

5° David Njoku – Carolina Panthers


O Carolina Panthers vem tendo uma reconstrução, e não por acaso vários jogadores importantes saíram, entre eles, Cam Newton, Greg Olsen e a aposentadoria de Luke Kuechly. Agora coube a Teddy Brigewater comandar esse novo ataque do Panthers, e alvos é o que o quarterback mais precisa. Somente o wide receiver Robby Anderson está produzindo bem no ataque do Panthers, e a chegada de Njoku não só ajudaria Bridgewater, como seria ele seria o principal tight end da franquia nos próximos anos.

Foto: Jason Miller

Troca de jogadores de defesa


1° Myles Jack – Pittsburgh Steelers


Com a implosão do elenco do Jacksonville Jaguars, o Steelers que é um contender nessa temporada, teria que ver com bons olhos a possibilidade de adquirir Myles Jack, já que Devin Bush seu principal inside linerbacker teve o rompimento dos ligamentos do joelho e estando de fora do restante da temporada. Jack seria um baita substituto de Bush, pois já demostrou ter talento necessário para ser um excelente jogador na NFL e complementaria com muita qualidade a forte defesa do Steelers.

Foto: Gary McCullough/Associated Press

2° Quinnen Williams – Green Bay Packers


Não é de hoje que o Packers tem problemas sérios na defesa, em especial no combate ao jogo terrestre. Na linha defensiva, só o nose tackle Kenny Clark é o jogador mais confiável, sendo que ele sofre por acumular tarefas no campo, seja parando o jogo corrido ou gerando pressão ao pelo meio da linha ofensiva. Com os Jets querendo se reformular, uma oportunidade que poderia ser bem vinda ao Packers é tentar um negócio por Quinnen Williams, pois não só aumentaria a qualidade da linha defensiva de Green Bay, bem como pegaria um jogador com contrato de calouro.

Foto: Eric Espada

3° Carlos Dunlap – Seattle Seahawks


A defesa do Seahawks tem vários problemas, mas o pass rusher certamente é a parte mais sensível e que tem que ser solucionado se a equipe quer ir longe nos playoffs e porque não chegar mais uma vez ao Super Bowl. Com a saída de Jadevon Clowney, o pass rusher do Seattle ficou mais fraco e olhando as possibilidades de trocas, Carlos Dunlap do Bengals seria um excelente nome para gerar pressões no QB adversário. E como Cincinnati precisa continuar sua reformulação, e uma troca por Dunlap seria bem vinda.

Foto: David Kohl/USA Today Sports

4º Justin Simmons – Dallas Cowboys


Essa troca seria visando mais o futuro do Cowboys, tendo um importante reforço para sua secundária. Na offseason que se passou, a secundária do Cowboys perdeu vários jogadores relevantes e isso acaba se refletindo em um mal desempenho não só desse setor, mas também da defesa como um todo. A vinda de Simmons seria ótima, já que ele viria não só para ser um dos principais jogadores do futuro, bem como poderia ser o substituto de Xavier McKinney que está fora da temporada.

Foto; Dustin Bradford

5° Melvin Ingram – Buffalo Bills


A defesa do Buffalo Bills não vive seus melhores momentos na temporada. De uma defesa top 10 no certame passado, hoje se ela figurar na top 20 é muita coisa. E dentre os defeitos nítidos na equipe, certamente a pressão contra os quarterbacks adversários é o mais preocupante. A equipe está cedendo muitas jardas, e falta de pressão sobre o QB pode dizer muito disso acontecer. E a solução para o pass rusher do Bills poderia ser Melvin Ingram, o defensive end vem sofrendo com lesões no Chargers, mas uma mudança de ares poderia ser algo fundamental para recuperar o jogador.

Foto: Peter Joneleit/Associated Press