• Igor Castro

Sob nova direção: Jets, Jaguars e Falcons anunciam seus novos head coaches

Atualizado: Jan 23



A temporada para alguns time já terminaram, e com isso a dança das cadeiras que já haviam começado, só prosseguiram após o término da semana 17 da temporada regular da NFL. Muitos head coach foram demitidos, ao todo foram sete times que ficam sem seu treinador, entre eles estão, Texans, Lions e Falcons que foram os primeiros a demitir Bill O’ Brien, Matt Patricia e Dan Quinn respectivamente. Na segunda feira, pós rodada 17, outros quatro treinadores foram exonerados, é os casos de Anthony Lynn do Chargers, Doug Pederson do Eagles, Adam Gase do Jets, Doug Marrone do Jaguars.


Com isso, candidatos foram surgindo e tiveram entrevistas com as franquias. A primeiro time a fechar com o novo head coach foi o Jacksonville Jaguars. A equipe começou a ter várias reuniões e entrevistas com Urban Meyer, ex-head coach de Flórida e Ohio State no College e que havia se aposentado e vinha atuando como comentarista da Fox Sports americana. No entanto, com o desafio de comandar uma equipe da NFL, Meyer se seduziu pelo projeto do Jaguars e em questão de dias se acertou com a franquia da Flórida. Meyer chega com a responsabilidade de continuar a reconstrução do Jaguars, e começa com a primeira escolha do próximo Draft.

Urban Meyer terá o desafio de tornar Jaguars um time competitivo que possa voltar ao Super Bowl.Foto: Jay LaPrete/Associated Press

O segundo a ser anunciado, foi o Robert Saleh, então coordenador defensivo do San Francisco 49ers, como novo head coach do New York Jets. Após o desastre que foi Adam Gase, o Jets apostou em um perfil de técnico diferente, já que Gase é um especialista em montar bons ataques e Saleh tem excelentes trabalhos ao comandar a defesa do 49ers. Contudo, com a chegada de Saleh, a permanência de Sam Darnold se tornou ainda mais incógnita. A equipe de Nova York é a segunda a escolher no próximo Draft e a tendência era escolher um novo quarterback, o mais cotado seria Justin Fields. Mas com a contratação de Saleh, a possibilidade de Sam Darnold permanecer aumentaram e as chances do Jets mudar a escolha no Draft ou até mesmo descer também cresceram.

Saleh será head coach pela primeira vez na NFL e chega ao Jets com a missão de tirar o time do fracasso das últimas temporadas. Foto: Jets Wire/USA Today Sports

Por fim, outra franquia que anunciou seu novo head coach foi o Atlanta Falcons. Depois várias entrevistas, o novo general manager Terry Fontenot e direção decidiram por contratar o então coordenador ofensivo do Tennessee Titans, Arthur Smith. Smith foi responsável por excelentes mudanças no ataque do Titans, tanto que Derrick Henry chegou a incrível marca de mais de 2.000 jardas terrestres, além de fazer um sistema em que Ryan Tannehill pudesse se encaixar melhor, principalmente em situações de playaction. Entretanto, a última imagem deixada pelo ataque do Titans contra o Ravens não foi das melhores, Henry não passou das 40 jardas corridas com o Titans caindo fora dos playoffs. A ver o que Smith fará com Matt Ryan e companhia.

Ao chegar no Falcons, Smith terá a missão de fazer Matt Ryan e companhia renderem melhor, e assim a equipe ter chances de voltar aos playoffs. Foto: NBC Sports

Agora só restam apenas quatro franquias que ainda estão com o cargo de head coach em aberto, é os casos do Chargers que se especula-se dois nomes para assumir o cargo, é os casos do Jason Garrett ex-head coach do Dallas Cowboys e atualmente é o coordenador ofensivo do New York Giants e Brian Daboll que atua como coordenador ofensivo do Buffalo Bills. Além do Chargers, Lions tem quase certo como seu novo head coach Dan Campbell, atual treinador de quarterbacks e tight ends do New Orleans Saints, porém ainda nada de oficial foi divulgado. Por fim, Texans e Eagles são as duas franquias que ainda nem nomes concretos se tem. Apenas o nome de Eric Bieniemy é o mais especulado nas duas franquias.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo