Raheem Mostert pede para ser trocado


Imagem via: Niners Wire

Nesta quarta-feira (8), o running back Raheem Mostert demonstrou insatisfações com seu contrato e pediu ao San Francisco 49ers para ser trocado.


Segundo seu agente, Brett Tessler, o principal motivo pelo qual ele optou por isso foi devido a meses de negociações sobre um aumento de salário que não foi atendido. Mostert foi o destaque dos running backs do time na temporada passada onde a equipe da Califórnia chegou ao Super Bowl.


Em 2019, o jogador assinou um contrato de três anos para receber US$ 8,7 milhões, mas sendo o líder de jardas percorridas na temporada e quebrando recordes na última final de conferência contra o Green Bay Packers, onde ele correu para 220 jardas e marcou 4 touchdowns, o running back esperava uma mudança no seu contrato, valorizando-o.


Segundo Ian Rapoport, da NFL Network, Mostert gostaria que seu salário se igualasse ao de Tevin Coleman (que em 2020 recebe US$ 4,55 milhões).


Raheem Mostert já passou por seis times, sendo o Philadelphia Eagles, Miami Dolphins, Baltimore Ravens, Cleveland Browns, New York Jets e Chicago Bears até chegar no San Francisco 49ers.


Nessa offseason, os 49ers já mandaram um running back embora, Matt Breida foi para o Miami Dolphins em troca de uma escolha de quinta rodada no draft. Agora com o pedido de Mostert, o time fica com Jerick McKinnon, Tevin Coleman, Jeff Wilson e o rookie JaMycal Hasty.