• Luis Fernando Julio

O lado de Michael Jordan que ninguém viu.

Documentário da ESPN mostra todos os bastidores da conquista do sexto título do Chicago Bulls de Michael Jordan.

Crédito: Clutchpoints



A série documental “The Last Dance” vem fazendo um sucesso absurdo com os fãs de basquete por mostrar todos os bastidores da tão famosa e emblemática equipe do Chicago Bulls de 1998. O seriado tem como foco o último ano desta equipe junta, contando com o tão famoso BIG 3 formado por Michael Jordan, Scottie Pippen e Dennis Rodman, e ainda tendo como comandante, o multicampeão técnico Phill Jackson.

O documentário vem nos mostrando um pouco da história de superação de Scottie Pippen, todo o lado polêmico de Dennis Rodman, mas principalmente nos mostrou o melhor e pior lado de Michael Jordan, que querendo ou não, se tornou o protagonista de toda a trama. Estamos vendo todo o lado competitivo, obcecado e em muitos momentos, egocêntrico da maior estrela que a NBA já teve.

Um dos episódios mais polêmicos de “ The Last Dance “ até o momento, foi onde a série expôs como Michael Jordan pressionava seus companheiros de equipe até o limite, chegando, muitas vezes até ser considerado cruel com alguns deles, principalmente com o ala Toni Kukoc, que sofreu muito com o jeito competitivo de Michael Jordan. Mas não foi o único, por ter um temperamento um tanto quanto difícil, o chamado “ GOAT “ comprou briga com alguns colegas de time, incluindo, um dos grandes treinadores da NBA atual, o coach dos Warriors,Steve Kerr, que na época era jogador da franquia de Chicago.

Crédito: Balls.ie


Sem a menor sombra de dúvidas “ The Last Dance “ é uma ótima opção para passar o tempo neste período de quarentena que vivemos, uma série que vai agregar muito para quem ama a NBA, e principalmente, para quem tem Michael Jordan como seu maior ídolo.