• Igor Castro

Jogos interessantes que não vão passar na TV, semana 12 da NFL


Faltam poucas semanas para a temporada regular da NFL ter seu fim, então nada melhor que curtir os máximo de jogos possíveis. A semana 12 vai ter vários jogos decisivos

e interessantes, sendo que alguns mais uma vez não estarão na grade de programação da TV. E como de costume nessa coluna, darei algumas dicas e destaques a alguns jogos interessantes que só estarão disponíveis na internet e se você gostar das dicas poderá acompanhar uma dessas partidas.


E olha que a relação de três jogos foi complicada de chegar a um resultado final, isso depois de toda a bagunça feita no calendário de jogos essa semana, após surto de Covid no Baltimore Ravens. Na última quinta feira, que marcou o dia de Ação de Graças, o duelo de divisão da AFC Norte, entre Ravens e Steelers, foi adiado para domingo, em um primeiro movimento. Com isso, a grade de programação da ESPN sofrerá mudanças e com isso o confronto entre Titans e Colts foi retirado da transmissão e em seu lugar Ravens e Steelers foi colocado. Porém, a mudança não durou dois dias.


Tendo que lidar com problemas de casos de Covid no elenco, o Ravens ficou impossibilitado de ir a campo e com isso mais uma vez a partida contra o Steelers foi movida para outro dia, para próxima terça feira 1º de novembro. Com isso, o jogo entre Titans e Colts retornou a grade de programação da ESPN e assim a coluna ficou sem uma opção pra lá de interessante para falar e quem sabe você curtir esse jogão e teve que achar outra partida para destacar. Dito isso, vamos as sugestões deste colunista para a semana 12 da NFL.


Carolina Panthers (4-7) @ Minnesota Vikings (4-6) - 15h


Apesar de serem duas equipes com campanhas negativas, ambas ainda tem chances reais de irem a pós temporada, ainda mais que mais uma vaga foi aberta, com uma NFC muito disputada. Tanto Vikings e Panthers mostraram um pouco de capacidade para ir aos playoffs, porém, para continuarem tendo chances um dos dois tem que vencer nesse domingo. O Panthers vem de vitória sobre o Detroit Lions com direito a um pneu no placar, desferindo 20x0 sobre a equipe de Matt Patricia. Já o Vikings que vinha embalado por vitórias, foi surpreendido contra o Cowboys e acabou perdendo por 31x28.


O Minnesota não começou bem a temporada, mas conseguirá se recuperar bem e conquistou vitórias importantes, sendo a mais relevante a sobre o rival Green Bay Packers em pleno Lambeau Field. Entretanto, na última semana o Vikings teve um revés que acabou com boa sequência de vitórias, sendo derrotado pelo Dallas Cowboys que vinha de bye na última semana. Kirk Cousins e Dalvin Cook tiveram números expressivos, com o QB completando para 314 jardas e três TDs e com o RB tendo 115 jardas e um TD. Um duelo interessante a se ver é Dalvin Cook contra a defesa do Panthers.

Dalvin Cook é a grande referência nesse ataque do Vikings, se for bem mais uma vez contra o Panthers, as chances de vitória do Vikings é muito maior. Foto: Hannah Foslien

Do outro lado, temos um time que reencontrou a vitória. Após duas semanas de revezes, o Panthers venceram o Lions com direito a uma vitória sem tomar um ponto se quer. E olha que a equipe de Matt Rhulle teve desfalques importantes, com o running back Christian McCaffrey e o quarterback Teddy Bridgewater fora do time devido a lesões. Ai coube a P.J. Walker e Mike Davis substituírem os titulares e tiveram atuações razoáveis, com Walker tendo 258 jardas, um TD e duas interceptações, e Davis com 64 jardas e um TD. Nesse confronto contra o Vikings, algo a se ver é como a secundária do Vikings vai lidar com os wider receivers Robby Anderson e DJ Moore

Los Angeles Chargers (3-7) @ Buffalo Bills (7-3) - 15h

Apesar do duelo ter duas equipes terem uma campanha que se reflete no espelho, esse confronto promete ser bastante interessante. Mesmo com campanha negativa, o Chargers tem o que comemorar, o recém chegado Justin Herbert vem tendo atuações excelentes e até surpreendentes até aqui, se tornando sério candidato a calouro ofensivo da temporada. Já o Bills, vem de uma semana de folga, e para encarar o Chargers o time vem pra lá de preparado para tentar vencer a oitava partida na temporada e ficar ainda mais perto da conquista da AFC Leste.


Na última semana, o Chargers venceu apenas a sua terceira partida na temporada, ao derrotar o combalido e bagunçado New York Jets por 34x28. E mais uma vez Herbert teve uma partida em que parece ser um QB veterano na NFL, já que teve 366 jardas passadas, três passes para touchdown e nenhum turnover. Seu principal alvo, o wide receiver Keenan Allen vem produzindo também de forma absurda, e nesse jogo contra o Jets, o recebedor teve 145 jardas e um touchdown. No confronto contra o Bills, será interessante ver como Herbert vai escancear a defesa de Buffalo, já que essa não teve tanta solidez nessa temporada.

Com atuações que levaram a ser candidato a MVP, Josh Allen terá mais um bom desafio contra O Chargers para mostrar que ainda esta na briga pelo prêmio. Foto: Rich Barnes/USA Today Sports

Já o Bills esteve de folga na semana 11, ou seja, teve duas semanas para se preparar bem para encarar o Chargers. Contudo, o Bills vem de derrota, contra o Arizona Cardinals por 32x30, com direito a Hail Mary de Kyler Murray para o wide receiver DeAndre Hopkins no estouro do cronômetro. Naquele jogo, Josh Allen não conseguiu ter o mesmo desempenho que teve contra o Seattle Seahawks, já que foram 284 jardas, dois touchdowns e duas interceptações. Já a defesa do Bills, vem sendo uma grande decepção até aqui, no duelo contra o Cardinals, Kyler Murray teve 245 jardas aéreas e 61 corridas, sendo um passe para TD e outros dois TDs correndo. Um ponto a se ver no Bills é se Allen vai voltar a ter uma boa atuação e se a defesa vai conseguir parar Herbert.


New Orleans Saints (8-2) @ Denver Broncos (4-6) - 18h05


E para finalizar, destacarei outro duelo de opostos, porém com uma dramaticidade diferente, pois envolve briga por vaga nos playoffs. Pelo lado de New Orleans, mesmo com a ausência do seu QB titular, Drew Brees, a equipe conseguiu a oitava vitória na temporada, contra o Atlanta Falcons e com os resultados favoráveis se tornou seed 1 da NFC, que lhe da a chance de folga na primeira rodada de playoffs. Do outro lado, temos um Denver Broncos embalado, já que venceu um importante rival na disputa por playoffs o Miami Dolphins. E com a AFC estando muito disputada, com equipes com campanhas muito parecidas, o Broncos voltou a sonhar com a chances de ir a pós temporada.


Se tem uma coisa que está funcionando muito bem no Saints é a sua defesa. Nos últimos três jogos, a defesa do Saints só cedeu 24 pontos, e olha que encarou Tampa Bay Buccaneers, San Francisco 49ers e Atlanta Falcons. Além da baixa pontuação cedida, a defesa ofereceu muitas pressões aos quarterbacks e teve muitos turnovers forçados, o que ajuda demais o ataque do time. No último jogo, com Taysom Hill substituindo Brees, as posições de campo foram fundamentais para o QB ter uma atuação sólida, já que a defesa parava o ataque do Falcons com muita eficiência.

A dupla de pass rushers Cameron Jordan e Trey Hendrickson vem fazendo uma ótima temporada e vai gerar muita pressão em Drew Lock. Foto: USA Today Sports

Já o Broncos, vem com muita moral para encarar o Saints. Na semana 11, Denver venceu a quarta partida na temporada, e com a disputa aberta na AFC, o Broncos reviveu as chances de ir playoffs. Contra o Miami Dolphins, a defesa do Broncos foi muito bem, gerando muita pressão e sacks em Tua Tagovaiola, que foi a até substituído. E com defesa bem, coube o ataque ajudar para o Broncos a saírem vencedores. Mesmo sendo questionado na posição de QB, Drew Lock teve uma atuação ok, com 270 jardas e uma interceptação. Já os running backs foram o grande diferencial do ataque do Broncos, com Melvin Gordon e Phillip Lindsay tendo juntos 166 jardas terrestres e dois touchdowns, sendo ambos de Gordon. O duelo entre defesas será o grande ponto a ser visto nessa partida entre Saints e Broncos.

0 comentário