Clowney Rejeita Sua Maior Proposta!


Aparentemente, a novela da contratação de Jadeveon Clowney não tem um fim previsto. Nos últimos dias, foi reportado que o Cleveland Browns teria feito a maior proposta pelo jogador até o momento. O jogador da USC (University of South Carolina) recusou tal proposta, mas não se sabe ao certo o porquê. Aparentemente, o EDGE/OLB estaria pedindo $20 milhões por ano, mas teria recebido tentativas de valores próximos a $15 milhões pelo Seattle Seahawks e Tennessee Titans.

É notável a quantidade de espaço que os Browns ainda têm em seu Cap. Para um time que parece estar moldando estratégias com o intuito de vencer agora, ainda existe uma boa quantia para ser investida dentro do regulamento da NFL. Dado o momento pós free agency (Já se foram a maior parte dos jogadores bem cotados e caros) e draft, algumas pessoas poderiam esperar uma situação mais apertada financeiramente. Porém, como Mayfield e Chubb ainda está jogando em seu primeiro contrato, o impacto dos respectivos jogadores é baixo. Ao contabilizarmos todos os gastos com salários, o Cleveland Browns ainda possui $37 milhões disponíveis para esse ano, o maior espaço da liga atualmente.

É muito plausível que Clowney saiba da atual situação do time e por isso não tenha aceitado a proposta feita. Todavia, o jogador de defesa pode muito bem não querer fazer parte de uma organização conhecidamente disfuncional e turbulenta que, apesar dos grandes nomes, ainda não conseguiu o sucesso esperado. Outra possibilidade é a de que ele pode não gostar do sistema utilizado e pensar que sua produção será prejudicada. Joe Woods, o mais novo coordenador defensivo dos Browns, já disse publicamente que sua defesa continuará jogando no esquema 4-3, o que faria de Clowney um EDGE rusher, jogando ao lado de Myles Garrett. Isso pode sim ser um indício de que Jadeveon prefere jogar como ROLB, o que não seria provável no esquema 4-3, já que suas características são de um rusher, e o esquema pede linebackers de boa cobertura aérea e grande habilidade de tackles por infiltrações feitas do backfield.

Em suma, é muito provável que sua situação seja finalizada nos próximos dias, apesar do jogador ter dito que não tem pressa para concretizar decisões. Os números não são extremamente diferentes entre o ofertado e o pedido, deixando negociações próximas caso o único problema seja monetário. Apesar das críticas, é um grande jogador e consideravelmente jovem (27 anos) para um contrato de três anos. Pode trazer muito medo aos ataques enfrentados, principalmente com uma linha defensiva de Garrett, Clowney, Ogunjobi e Richardson. Basta apenas descobrirmos se isso faz a vontade dele.

  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle